conteúdo
Notícias
25/09/2017

Redesimples, Sala do Empreendedor e Junta Comercial inauguradas em Capão da Canoa


Município passa a contar com serviços que colaboram no desenvolvimento e na geração de emprego e renda



Na tarde de sexta-feira (22), Capão da Canoa passou a contar com três novos serviços que irão colaborar no desenvolvimento municipal. A Casa da Cidadania (Rua Peri, 1766) foi palco do lançamento da RedeSimples, inauguração da Sala do Empreendedor e instalação do escritório regional da Junta Comercial, Industrial e Serviços do Rio Grande do Sul. A iniciativa foi uma ação da Prefeitura de Capão da Canoa em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

A Sala do empreendedor tem como objetivo incentivar a legalização de negócios informais, facilitar a abertura de novas empresas e regularizar as atividade informais e oferecer serviços aos Microempreendedores Individuais (MEI). A Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesimples) estabelece as diretrizes e os procedimentos para simplificar e integrar os processos de abertura, alteração, baixa e legalização de empresários e de pessoas jurídicas.

A Junta Comercial, por sua vez, fica responsável por atividades, como a abertura e o registro público de empresas, organização dos registros públicos, apresentação de Atos, análise de documentações, prestações de contas ao governo federal e mais uma série de atividades que envolvem o que é chamado de “casamento entre as empresas”.

O Prefeito de Capão da Canoa, Amauri Magnus Germano, afirma que a instalação dos três serviços no município foi um marco história. “A nossa administração conseguiu um feito memorável, que, com certeza, será de muito valor para toda a população, pois será mais fácil empreender, gerando emprego e renda em uma época de crise”, analisa.

O diretor-superintendente do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-RS), Derly Fialho, destaca a proatividade do município. “O Sebrae fica muito feliz pela iniciativa e se coloca a disposição para o desenvolvimento constante de toda a região do litoral norte”, diz.

Para o Presidente da Junta Comercial do Rio Grande do Sul, Paulo Roberto Kopschina, o trabalho integrado entre os serviços será de grande valia para a população. “Estamos em um momento de informatização dos sistemas, de agilidade e desburocratização, e a vinda da Junta Comercial, da Sala do Empreendedor e da instalação da RedeSimples contribuem nesse movimento”, observa.
 




Créditos: Bernardo Zamperetti/Imprensa PMCC


Acessibilidade


Para navegação via teclado,
utilize a combinação
ALT + TECLA DE ATALHO