conteúdo
Notícias
01/04/2022

Secretaria da Saúde alerta a importância do combate ao Aedes aegypti


A água parada é um dos principais focos de propagação do mosquito



A Prefeitura de Capão da Canoa através da Secretaria de Saúde alerta para o aumento de casos de dengue no estado. O mosquito Aedes aegypti além da dengue também transmite chikungunya e o zika vírus. A melhor prevenção é eliminar os focos de água parada, que podem virar criadouro do mosquito.

Sintomas

Dengue: Febre alta acompanhada de dor de cabeça (atrás dos olhos), manchas vermelhas na pele podem estar presentes, dor abdominal e enjoo, dores no corpo e nas articulações.

Chikungunya: Febre alta de início súbito (agudo), manchas pelo corpo podem estar presentes, dor no corpo e articular, inchaço nas articulações.

Zika Vírus: Febre (baixa e moderada), lesões vermelhas pela pele,dor abdominal e enjôo, dores no corpo e inchaço das articulações, olho vermelho que pode ter secreção

CASO OBSERVE O APARECIMENTO DESSES SINTOMAS PROCURE UM SERVIÇO DE SAÚDE PARA ATENDIMENTO E NÃO USE NENHUM MEDICAMENTO SEM ORIENTAÇÃO MÉDICA.

PREVENÇÃO

O Serviço de Vigilância Ambiental vem desenvolvendo programas de prevenção da Dengue em toda a cidade. Através de visitas da equipe em todos os bairros da cidade, quinzenalmente, para monitorar pontos estratégicos como: borracharias, cemitérios, ferros-velhos, depósitos de material de construção.

Todos os agentes andam devidamente uniformizados, portando crachás de identificação individual, com foto e brasão da Prefeitura de Capão da Canoa.

CASOS ONDE HÁ VISITAS

As visitas são realizadas quando há casos suspeitos de dengue, fazendo uma pesquisa vetorial especial no quarteirão em que a pessoa reside e no local onde ela trabalha. A pesquisa será realizada pelo Departamento de Vigilância Ambiental, responsável por investigar a presença do mosquito e pelo Departamento de Vigilância Epidemiológica, que faz o controle da doença.

DENÚNCIAS

Para denunciar piscinas descobertas, acúmulo de resíduos que possam acumular água e descarte irregular de pneus e garrafas devem ser realizados via protocolo, para Vigilância Ambiental em Saúde, no site da prefeitura de Capão da Canoa- RS.

CUIDADOS PARA EVITAR O MOSQUITO DA DENGUE

● Tampe os tonéis e caixas d’água;

● Mantenha as calhas sempre limpas;

● Deixe garrafas sempre viradas com a boca para baixo;

● Mantenha lixeiras bem tampadas;

● Deixe ralos limpos e com aplicação de tela;

● Limpe semanalmente ou preencha pratos de vasos de plantas com areia;

● Limpe com escova ou bucha os potes de água para animais;

● Cubra e Mantenha as piscinas com água limpa e tratada o ano inteiro;

● Atenção com bromélia, babosa e outras plantas que podem acumular água;

● Deixe lonas usadas para cobrir objetos bem esticadas, para evitar formação de poças d’água;

● Mantenha os pneus em locais cobertos ou fure-os para não acumular água.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone da Secretaria Municipal da Saúde (51) 3 665-3204 / (51) 3 665-4111, no horário das 08h às 12h, das 13h às 17h.

E-mail: vigambiental@capaodacanoa.rs.gov.br




Créditos: Kauana Kempner


Acessibilidade


Para navegação via teclado,
utilize a combinação
ALT + TECLA DE ATALHO